2ª Rodada de Disponibilidade de Áreas ANM: 7.027 áreas são ofertadas

O assunto Disponibilidade de Áreas foi bastante comentado em 2020. Isso se deve ao primeiro edital publicado em setembro, que teve a sua última etapa, o leilão eletrônico, em novembro de 2020. 

De acordo com informações fornecidas pela ANM, a União faturou cerca de 2 milhões de reais com o edital realizado. A agência considerou o primeiro lote, considerado como projeto piloto, um sucesso. Das 501 áreas ofertadas, 103 foram arrematadas, 81 foram para etapa de leilão e 317 ficaram livres. 

Ainda existem milhares de áreas que aguardam serem disponibilizadas em futuros editais e, por isso, a ANM informou que essa prática será frequente a partir de agora.

2ª rodada de Disponibilidade de Áreas

Em função dos números positivos do primeiro leilão, a ANM já iniciou a 2º rodada de Disponibilidade de Áreas. O edital está disponível e pode ser acessado clicando aqui.

Neste edital  7.027 áreas estão sendo ofertadas, sendo 6.255 disponibilizadas para fins de pesquisa e 272 para fins de concessão de lavra.

O procedimento de Disponibilidade de Áreas é composto por duas etapas: Oferta Pública e Leilão Eletrônico. A primeira etapa foi iniciada dia 29/12 e será finalizada dia 01/03. A manifestação de interesse deverá ocorrer no prazo de 60 (sessenta) dias contados da data de abertura da Oferta Pública e cada participante poderá manifestar interesse em, no máximo, 500 (quinhentas) áreas.

Caso mais de um participante registre interesse pela mesma área, ocorrerá o Leilão Eletrônico a partir do dia 08/03. 

IMPORTANTE LEMBRAR que a participação é permitida apenas aos usuários que tenham seu cadastro na Plataforma de Cidadania Digital, Login Único, validado por meio de Certificado Digital, e-CPF para pessoas físicas, ou e-CNPJ, para representante de pessoa jurídica, emitido por autoridade certificadora credenciada.

Todas as etapas serão realizadas pelo Portal SOPLE.

Ressaltamos que no dia 07/01 a ANM realizou uma retificação no edital em decorrência de erros de edição e formatação dos arquivos. O conteúdo do Edital e Anexos permanece o mesmo. Porém, quem realizou a manifestação de interesse antes da retificação ser realizada, é interessante que verifique se sua manifestação foi feita de forma correta, de acordo com as áreas publicadas nos Anexos retificados. Caso haja alguma divergência, a manifestação anterior deve ser cancelada e feita nova manifestação de interesse na área desejada.  

Em 2021, esta será uma prática frequente. A ANM estima que serão realizados 4 ou 5 leilões e que eles poderão acontecer simultaneamente. 

Ressaltamos a importância de realizar estudo prévio para participar dos próximos editais. Um acompanhamento próximo de cada etapa é fundamental para arrematar a sua área de interesse! 

Conte a Chiavini & Santos! 

Em breve publicaremos mais informações sobre o assunto. 

  

WhatsApp chat